NOSSAS AÇÕES

 

a) Articular os trabalhadores, de todos os níveis de formação, que atuam na área de Saúde Bucal Coletiva;

b) Oportunizar a troca de experiências profissionais;

c) Analisar e posicionar-se sobre as políticas de saúde, particularmente as que se referem a Saúde Bucal e seus determinantes  possibilitando a sua contribuição no planejamento de ações coletivas;

 

d) Criar formas de estudo que viabilizem o conhecimento, a reflexão crítica e  a construção sobre temáticas integradoras que tenham aplicação no campo da Saúde Bucal Coletiva;

e) Facilitar o intercâmbio inter-institucional na busca da conseqüência, eficiência e qualidade dos serviços e cuidados de Saúde Bucal dispensados à população;

 

f)Discutir a questão da formação dos recursos humanos odontológicos na perspectiva de sua adequação ao perfil epidemiológico da população brasileira e as necessidades dos serviços em seus processos de readequação a modelos contra-hegemônicos de prática odontológica;

 

g) Fomentar e realizar estudos, levantamentos e consolidação de informações que fundamentem sua intervenção política, apoio e assessoramento à entidades e movimentos da sociedade civil organizada que tratem  de questões relacionadas à Saúde Bucal;

 

h) Apoiar o trabalho dos órgãos de vigilância sanitária e epidemiológica e dos serviços sociais no campo da aplicação e desenvolvimento de ações preventivas e educativas;

 

i) Estimular o desenvolvimento de práticas e programas voltados para a atenção odontológica de segmentos populacionais, considerados como pacientes especiais e/ou  vulneráveis e prioritários por razões socio-epidemiológicas;

 

j) Realizar eventos e atividades, preferentemente em cooperação com outras entidades e movimentos sociais, na perspectiva de contribuir para a politização das questões relacionadas a Odontologia, de modo a melhor qualificar a intervenção de seus recursos humanos na defesa da saúde enquanto direito de cidadania e dever do Estado, assim como sua integração aos esforços pela superação do modelo dominante de prática odontológica;

 

k) Construir uma pauta voltada para a analise de questões que tenham real impacto no processo de transformação qualitativa das praticas de saúde bucal coletiva em curso;

 

l) Avaliar o ensino na área de odontologia, com vistas a permanentemente oferecer sugestões à construção e qualificação da formação profissional;

 

m)  Proceder uma analise critica das deliberações apontadas no relatório da III Conferência Nacional de Saúde Bucal, com vistas a priorização de seus encaminhamentos;

 

n) Ocupar-se de construção de um mecanismo de acompanhamento e avaliação da implementação e controle dos resultados da política de saúde bucal;

 

o) Discutir e propor encaminhamentos às questões pertinentes às relações  trabalhistas de  forma a combater os processos de privatização, flexibilização e precarizacão das mesmas, no contexto contemporâneo diante dos fluxos produtivos vigentes.

Instituto Flávio Luce

Saiba mais sobre nós. A construção, o funcionamento e as perspectivas que se tem em relação ao Instituto se fundamentam nos seguintes atributos:

Institucional
Programação
Comunicação
Instituto Flávio Luce -

Referência para contatos:

Nos acompanhe

Permanentemente atualizada com:

  • Blog

  • Nossa agenda

  • Notícias

  • Fatos

  • Fotos

  • Comentários

  • Indicação de artigos e livros

  • Anúncio de eventos

© 2018 por Sheep Consultoria